Ainda existem algumas dúvidas de como funciona a nota do milhão. No entanto, o programa tem como objetivo substituir o sorteio do programa Nota Fiscal Paulistana. Para entender mais sobre o projeto, confira mais detalhes logo abaixo.

Como funciona

Todo mês uma pessoa física que utiliza qualquer serviço em São Paulo tem direito ao bilhete eletrônico e cada Nota Fiscal de Serviços Eletrônica.

O documento fiscal emitido pelos prestadores de serviço, dentro do Programa “Sua Nota Vale 1 Milhão”, chama-se Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e).

Este documento eletrônico registra as operações relativas à prestação de serviços na capital.

Diante disso, a NFS-e é emitida não importa o valor do serviço tomado, desde que estejam dentro 100 (cem) bilhetes por CPF.

Cada sorteio distribui um prémio de R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais). Além disso, somente participam destes sorteios as pessoas físicas que concordarem com o regulamento.

Além disso, o usuário que já possui cadastro na Nota Fiscal Paulistana não precisa de um novo cadastro, ou seja, ele já vai concorrer automaticamente ao prêmio.

Como participar da nota do milhão

Agora que você já sabe como funciona a nota do milhão é preciso ativar o seu cadastro no programa. Veja abaixo.

  • O usuário deve aderir ao Regulamento do sorteio depois de se cadastrar no sistema.
  • Após deve fazer o cadastro no sistema, entre aqui;
  • Coloque o seu CPF e clique em “Não sou cadastrado”;
  • Preencha os campos necessários com seus dados e informe um e-mail pessoal para a criação da senha;
  • Siga os passos do e-mail, escolha aderir ao sorteio do Programa Sua Nota Vale 1 Milhão;
  • Depois basta seguir as orientações apresentadas no portal para aderir ao programa.

Além disso, os prêmios dos sorteios podem ser usados para abater o IPTU dos anos seguintes. Ainda o valor também vai ser creditado na conta-corrente ou na conta-poupança do premiado.

Nota: o usuário que já teve sua nota fiscal registrada e aderiu ao sistema precisa esperar pela disponibilização dos bilhetes e a realização do sorteio dos prêmios.

Como pedir a nota do milhão

Para fazer o pedido basta pedir a nota com número do seu CPF a qualquer prestador de serviços da cidade de São Paulo.

A nota pode ser solicitada em:

  • Estacionamentos;
  • Academias;
  • Escolas particulares;
  • Lavanderias;
  • Creches;
  • Faculdades;
  • Cursos de idiomas;
  • Construtoras;
  • Cabeleireiros;
  • Hotéis;
  • Oficinas mecânicas;
  • Empresas de vigilância e limpeza;
  • Entre outros.

Caso queira ver os locais que são prestadores de serviço, entre aqui.

Nota: Todos os bilhetes possuem validade para um único sorteio (mês). Após o sorteio, será gerado novos bilhetes eletrônicos, com base nos serviços contratados.

Como saber se fui premiado

O usuário pode saber se foi beneficiado apenas pela consulta do site. Veja como abaixo.

  • O usuário deve entrar na página;
  • Após deve digitar o seu CPF e senha individual;
  • Após verifique os números dos bilhetes gerados a partir das Notas Fiscais de Serviços Eletrônicas (NFS-e) emitidas.
  • Confira os resultados;

Nota: O sorteio será realizado todo 5º dia útil do mês.

Caso exista alguma outra dúvida relacionada à como funciona a nota do milhão deixe um comentário.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *